• Home
  • Notícias
  • Matérias
  • Sindipúblicos reforça luta por concurso público e fim das OS’s e fundações na saúde

Sindipúblicos reforça luta por concurso público e fim das OS’s e fundações na saúde

Representado pelos seus diretores, Magna Nery Manoeli, Luis Tupinambá e Regina Lucia Monteiro Goes, o Sindipúblicos esteve presente na Conferência Estadual de Saúde realizada de 29 de maio à 01 de junho em Guarapari.

Tendo como tema central “Democracia e saúde”, diversos outros assuntos foram abordados, principalmente quanto a importância de garantir o financiamento de uma saúde pública e universal.

Entre os pontos polêmicos esteve a valorização dos servidores da saúde e a importância de se cumprir os dispositivos constitucionais no que tange a contratação por meio de concurso público.

Nesse quesito, o Sindipúblicos referendou sua posição pelo preenchimento das vagas via concurso público, o que garante a devida segurança aos servidores e a manutenção de políticas públicas, que por ora são muitas vezes prejudicadas quando são realizadas contratações temporárias ou via Organizações Sociais (OS’s) ou mesmo via Fundações.

O Sindipúblicos ainda reforça que estudos já comprovaram que a terceirização na saúde, além de não garantir a qualidade necessária, ainda onera o Estado mais do que quando esse assume a gestão.

É inaceitaval que o governo Casagrande tente impor um modelo já ultrapassado e que fere aos preceitos constitucionais. O Sindipúblicos reforça sua posição firme em defesa de uma saúde pública, universal e de qualidade, que só será alcançada com investimentos na infraestrutura e na realização de concursos públicos com a devida qualificação e valorização profissional.