Sindicatos se reúnem com superintendente de comunicação

As direções do Sindipúblicos e do Sindijornalistas se reuniram na manhã desta quarta-feira, 29 de maio, com a Superintendente de Comunicação do Estado, a jornalista Flávia Mignoni.

Na pauta esteve as necessidades de reestruturação do sistema público de comunicação do Estado que venha de fato a atender as demandas da sociedade garantindo infraestrutura, condições de trabalho e de pessoal à Rádio Espírito Santo, TVE e uma possível junção com o Diário Oficial.

A superintendente se mostrou solidária aos servidores e informou que antes mesmo de assumir a pasta já estudava a situação da RTV. E adiantou que se encontra na PGE um plano de unificação do sistema em sede única, aguardando assim o parecer dos procuradores para dar devido andamento.

Foi colocada a necessidade de uma otimização no setor comercial da emissora, com a realização de parcerias que venham de fato a trazer retorno financeiro e que agreguem valor. Os diretores reforçaram, no entanto, que é preciso garantir que não se retome as parcerias e convênios em que a RTV era ‘utilizada’ sem nenhuma contrapartida. Inclusive repudiaram a cobertura do festival musical de um Centro Universitário particular que teve a transmissão e parceria com a TVE sem que a emissora recebessem algo em troca.

Foi ainda discutida a linha editorial, sendo consensual a necessidade de cada vez mais as emissoras tenderem aos interesses públicos, inclusive de pautas que muitas vezes não são interessantes serem abordadas nas tvs e rádios comerciais.

Ainda foi reforçada a necessidade urgente do estado em garantir suplementação orçamentária, remanejamento de servidores até que seja realizado concurso público, pagamento de horas-extras nos casos excepcionais, entre outros.

Também foi alertado à superintendente a necessidade de convocação de reunião do Conselho Administrativo, órgão deliberativo da RTV, para que se cumpra a legislação e também garanta a devida participação democrática na gestão do sistema. Foi ainda colocado que a escolha dos servidores, que atualmente fazem parte do Conselho, foi realizada por eleição com ampla divulgação e participação dos demais servidores, que elegerem representantes tanto da rádio quanto da tv ampliando assim a representatividade da categoria.

Flavia, por sua vez, concordou com a pauta dos servidores, destacou sua visão de valorizar a comunicação pública e se propôs a manter o diálogo na negociação da pauta dos servidores e encaminhar junto ao governo o atendimento em cima das demandas apresentadas.