Sindicato notifica Governo por obrigar servidores a trabalharem sem oferecer transporte

Assembleia definirá Comissão Eleitoral para eleições sindicais
5 de abril de 2021
IPAJM adia para agosto o recadastramento (prova de vida) anual
7 de abril de 2021

Enquanto o Governo Casagrande determinou que as empresas devem oferecer transporte aos seus trabalhadores durante o período sem transporte coletivo, o Estado não tem garantido a locomoção aos servidores obrigados a continuarem atuando durante a pandemia.

“A incoerência já inicia no momento que o Governo fecha quase tudo, mas nos obriga a atuar, mesmo setores que poderiam estar 100% online. Para piorar, ainda não garante transporte. Temos recebido muitas reclamações de chefias que além de não oferecerem transporte, ainda mandam o servidor usar seu carro próprio ou transporte privado, gerando gastos não cobertos pelo estado” comenta Tadeu Guerzet, presidente do Sindipúblicos.

Diante ao caso, o Sindipúblicos cobrou do governo que apresente aos servidores públicos meios de locomoção de suas residências até os locais de trabalho e que se comprometa a ressarcir gastos extraordinários eventualmente necessários para o deslocamento para o trabalho ou em virtude da atuação laboral.

O Sindicato ainda reforça que a omissão do Estado pode ensejar pedido de indenização. “Sem a apresentação da forma de deslocamento que supra a suspensão do transporte público, bem como da forma de ressarcir gastos com transporte para a realização de atividades laborativas, não resta à representação de trabalhadores outra solução que não a busca pela determinação de que o Estado assuma a responsabilidade que ora se aponta, bem como indenize qualquer prejuízo sofrido por servidores”. Informa o texto do ofício encaminhado hoje para o governo do estado.

Sendo assim, a orientação do Sindipúblicos é que em caso de obrigatoriedade de ir ao trabalho sem devidas condições de locomoção oferecidas pela chefia imediata, o servidor deve registrar e guardar comprovantes de pagamento de transporte utilizado e/ou custo de combustível e buscar o sindicato para encaminhamentos necessários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

14 − 3 =