Grande Vitória registra 11,07% de inflação agravando perdas salariais dos servidores. E aí Casagrande?

Nota de esclarecimento aos servidores do Iases
13 de setembro de 2021
Servidores de todo país realizam ato contra a PEC 32 em Brasília
15 de setembro de 2021

Os servidores públicos estão entre as categorias que mais sentem a inflação, isso devido as perdas salariais já superarem 50% que agora será agravada pela ‘explosão inflacionária’ conforme dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Na Grande Vitória, o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) registrou 11,07% nos últimos doze meses puxado pela alta da gasolina (44,94%) e energia elétrica (27,40%). Os valores bateram recorde só tendo sido alcançados patamares tão altos a última vez em 2002 e 2015 desde que o país adotou o regime de metas de inflação, em 1999.

Por que os índices explodiram?

De acordo com o Dieese, a inflação está sendo novamente influenciada pelo câmbio, repasse de custos internacionais e porque os insumos estão aumentando de preços. Além disso, a política internacional de preços da Petrobras, baseada na variação cambial, que está puxando para cima os preços dos combustíveis, privilegiando distribuição de lucro aos acionistas em detrimento dos preços internos.

Outro fator preponderante para o aumento dos preços está o desmonte das políticas da agricultura familiar desde 2016 e devido ao Governo Temer e Bolsonaro ter acabado com os estoques reguladores, desmontando uma política que contribua para controlar os preços quando necessário. Os estoques reguladores eram grandes quantidades mantidas pelo governo como uma forma de atuação no mercado de alimentos e podem ser acionados quando ocorre uma alta muito grande nos preços praticados pelo mercado, evitando que eles aumentem demais.

Junta-se à todo isso os preços das commodities que estão aumentando e, por isso, os produtores brasileiros preferem exportar, diminuindo a oferta interna, o que também contribui para o aumento dos preços. Além da questão climática, que reduziu a produtividade agrícola por causa da seca.

Revisão Salarial

A recomposição da inflação aos salários dos servidores cada dia se torna ainda mais fundamental para a sobrevivência da categoria. Apesar da promessa de campanha, o governador Renato Casagrande chega ao seu terceiro ano de mandato sem cumprir o compromisso. O Sindipúblicos tem cobrado insistentemente a revisão salarial e entende que mesmo com as determinações legais que impedem diante a pandemia, já ultrapassou todos os limites éticos o governador se pronunciar sobre o seu compromisso de quando e quanto irá realizar essa recomposição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte − 9 =