Após denúncia do Sindipúblicos ao MPT, Idaf terá nova sede em Linhares

IPAJM adia para março/2022 início do recadastramento anual de aposentados e pensionistas
6 de dezembro de 2021
Com perdas de 55%, servidores discutirão greve em Assembleia Geral dia 10
7 de dezembro de 2021

Após a atuação do Sindipúblicos que denunciou as precárias condições de trabalho devida a deterioração da sede do Idaf de Linhares, o Ministério Público do Trabalho (MPT) protocolou ação civil pública com o intuito do Idaf proceder a adequação do meio ambiente de trabalho do local, pedindo à Justiça inclusive uma multa, em casos de descumprimento, no valor de R$ 100 mil.

Com isso, a autarquia se comprometeu a regularizar o caso e em audiência realizada em setembro de 2021, informou que já havia realizado chamamento público para locação de imóvel. No entanto, conforme informado pela autarquia ao MPT, a locação ainda não foi efetivada por necessitar de ajustes nos valores.

O caso é mais uma demanda que vem sendo acompanhada ‘de perto’ pelo Sindipúblicos e prestes a ter os problemas solucionados em benefícios aos servidores e toda sociedade que demanda o escritório regional do Idaf.

Em caso de problemas em sua autarquia, reforçamos nossa orientação para que encaminhe a demanda para que possamos atuar em benefício a todos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

18 + cinco =